Home » Notícias

POLÍCIA CIVIL RECONSTITUI CHACINA DE ITAMBACURI/MG

3 de janeiro de 2008 24.282 visualizações 39 Comentários Imprimir este artigo Imprimir este artigo

A Polícia Civil reconstitui a Chacina de Itambacuri/MG, no final do ano passado, fato ocorrido em 29 de março de 2006, na Fazenda Bela Vista, Córrego água Preta, zona rural da cidade, onde duas senhoras foram brutalmente assassinadas e uma outra ficou gravemente ferida. 

Os autores João Antônio da Cruz e seu genro Lucas Carneiro, participaram das cenas, contando com detalhes como tudo ocorreu. A medida tem previsão legal no artigo7º do Código de Processo Penal, com o nome de reprodução simulada dos fatos e mesmo antes da edição do CPP, o estado de São Paulo e o Distrito Federal jábruno_vitria_005.jpg adotavam tal medida. Em sede de direito comparado, os códigos da Argentina, Uruguai, Honduras e outros países adotam a providência como forma de se buscar a verdade real dos fatos.

A medida foi acompanhada pela Promotora de Itambacuri, pelo Presidente da 28ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil, Dr. Paulo Ester Gomes Neiva, sendo coordenada pelo Delegado Regional de Teófilo Otoni, Dr. Isaias Ponte de Melo.

Trata-se de meio de prova, previsto na legislação Processual penal, de grande importância para a elucidação dos fatos, principalmente quando se trata de ilícito penal cometido em concurso de pessoas, assegurou o Delegado responsável pelo Inquérito Policial nº 1004/2007, Dr. Jeferson Botelho.

Finalmente, Botelho afiançou que no direito processual brasileiro não há lugar para presunções, já que o princípio da verdade real ou material é o adotado na legislação pátria, devendo a Polícia Civil empenhar esforços no sentido de esclarecer os fatos na busca incessante pela justiça.         

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+

39 Comentarios »

  • frederico disse:

    SOU FILHO DE ITAMBACURI AMO MINHA CIDADE DE PAIXAO E SINCERAMENTE TENHO MEDO DE SAIR NAS RUAS QUANDO ESTOU A PASSEIO AI.TEMOS Q RESGATAR A PAZ EM NOSSA CIDADE.

  • willian pereira de sousa disse:

    Morro em São Paulo, e sou de Itambacuri,filho de Wilson serrralheiro;
    Acho um absudo essa barbaridade,mudei de Itambacuri,em busca de melhores pespectivas ; de fugi de violência sem proporção, pois senti que minha familia corria perigo,eu morava no bairro da Vila Pedreira.
    Hoje morro em São Paulo, capital; e me sinto mais seguro aqui do que em Itambacuri;que ironia; Itambacuri é do tamanho do bairro que eu morro.
    Aqui tem violência; mas te lei.
    Itambacuri se tornou uma cidade sem lei;me desculpe as autoridades mas,Itambacuri;precisa de mais educaçâo profissional;do que promessas;
    pense nisso ;pois educação é tudo!

    Ass:Willian Pereira de Sousa
    Vulgo:Willian serralheiro

  • ramid disse:

    e muito triste essa violencia na nossa cidade

  • Paulo Roberto disse:

    Moro no Rio de Janeiro e tenho um conhecido, natural da terrinha, que
    não cansa de falar de Itambacuri, relembrando a sua infância e
    contando casos. Apreendi a admirar esta cidade que ainda não
    conheço e, via internet, tenho este primeiro contato.

    Cordiais saudações, com um tríplice abraço.

    Paulo Roberto.

  • Adilson sousa santana disse:

    Eu nasci em campánario,moro em belo horizonte,e tenho 47 anos. Passei
    15 anos da minha vida nessa cidade,nesse periodo fui varias vezes a itambacuri porque tinha parentes que moravam na cidade e tambem no dia
    dois de agosto.Nunca esperavamos que barbarié como esta fosse acontece
    em um lugar tâo tranquilo como este.

  • Luciano disse:

    Sou filho te terrinha, tenho 34 anos, estou fora do brasil ha 10 anos, lembro-me muito bem de quando dormia-mos ouvindo rádio pelas madrugadas, isso no terreiro de casa, hoje em dia nao se pode mais confiar, porque se assim fizer, corre o risco de amanhecer morto por algum bandido, que infelismente nao pensa 2 vezes antes de colocar as maos sujas numa arma. Este é o retrato do nosso brasil, isso nao é so na nossa cidade a qual amamos, eu nasci em Itambacuri, e tenho orgulho de ser Itambacuriense, mesmo ausente, sinto-me presente ai… Amo essa cidade de coração, nao deixo jamais que o medo e os meus lábios venham amaldiçoar a minha propria terra. Oro para que Deus salve esse povo que tanto prescisa de conhecer verdadeiramente aquele que o criou sua imagem e semelhança, Deus.
    Esse povo prescisa de Deus, sao perdidos que ainda nao foram encontrado.
    As nossas autoridades infelismente, trabalha contra o povo, e nao a favor do povo, por isso a grande parte sao pessoas revoltadas consigo mesma e fazem tanta maldade. Prescisamos de mudanças já!!! Quero terminar deixando aqui uma frase para a vossa meditação, “Nem tudo que se enfrenta pode ser modificado, Mas nada pode ser modificado até que seja enfrentado.” Com saudades da minha terrinha linda, Luciano

  • Leandro Moreira de Souza disse:

    eu moro em governador valadares ,fui criado em itambacuri ,anos atras era muito bom viver em itambacuri ,a unica coisa ruim sempre foi o desemprego ,muito ruim arrumar serviço ai ,agora ficou pior com a violençia .sempre que eu vou ai fico com medo.
    um abraço para todos de itambacuri prinçipalmente para todos do santa clara leo filho de jose moreira

    leandro moreira governador valadares

  • elizangela ap canuto disse:

    itambacuri era bom para conviver agora ficou muito violento .
    o reino encantado acaboumoro em governador valadares sempre vou ai em itambacuri ,ha est a procura de meu tio ADÃO RODRIGUÊS DOS SANTOS
    quem souber entre em contato fone 99212056 OU 32788428 OBRIGADO

  • ferreira disse:

    Boa noite ,sou ai desta bela cidade,mas faz tempo que não vou ai,estive em 1991 ,moro em são paulo sou policial militar a 21 anos ,temos que manter a paz para nossas crianças do futuro ai em Itambacuri,viverem bem desejo boa sorte as autoridades locais.

  • JOSÉ ACELINO BESSA disse:

    SEGUNDO O DICIONARIO BRASILEIRO MELHORAMENTOS ILUSTRADO ED.1969 OS TEMOS :
    A- ITA,PREF.(DO TUPI-GUAR.). FORMA TERMOS BRASILEIROS COM O SIGNIFICADO DE PEDRA,METAL,ETC.S.F.PEDRA,ROCHEDO.
    B- BACURI,FRUTO DO BACURIZEIRO; RELATIVO AOS BACURIS, INDIGENAS QUE VIVEM NAS PROXIMIDADES DO RIO ARINOS,MATO GROSSO.S.E F. INDIVÍDUOS DESSA TRIBO, S.M.POP.GURI, GAROTO
    SEGUNDO O NOVO DICIONÁRIO AURÉLIO,TEMOS:
    MOLEQUE ;MENINO DE POUCA IDADE
    SEGUNDO INDIGENISTAS CONSULTADOS, A PALAVRA ITAMBACURI, SIGNIFICA “PEDRA DO MOLEQUE”. A PEDRA DO MOLEQUE CUJO NOME DEU ORIGEM À ITAMBACURI,ESTÁ LOCALIZADA NA FAZENDA GUANABARA,MUNICIPIO DE CAMPANÁRIO,OUTRORA DISTRITO DE ITAMBACURI. A REFERIDA PEDRA DISTA 30KM DE ITAMBACURI.

  • JOSÉ ACELINO BESSA disse:

    ITAMBACURI – CIDADE FUNDADA AOS 13-04-1873,
    TORNOU-SE MUNICÍPIO EM 14-03-1924.
    FOI ELEVADA À COMARCA EM 1948.
    INTEGRA A MICROREGIÃO DO NORDESTE MINEIRO,
    DISTA 415KM DA CAPITAL.
    POLITICO-ADMNISTRATIVAMENTE PERTENCE AO VALE DO MUCURI E, GEOGRAFICAMENTE AO VALE DO RIO DOCE.
    A RODOVA BR- 116(RIO-BAHIA),É A SUA PRINCIPAL VIA DE ACESSO.
    LATITUDE 18º-2′-30,35″, LONGITUDE 41º-9′-94″. ALTITUDE,356M POPULAÇÃO 23.424 HABITANTES.ÁREA TOTAL=1.419 KMS QUADRADOS.CEP-39830-000. LOCATIVO ITAMBACURIENSE.
    NASCEM EM ITAMBACURI, DOIS RIOS OS QUAIS PERTENCEM À DUAS BACIAS DIFERENTES. O RIO SÃO MATEUS, QUE É AFLUENTE DO MUCURI.
    O RIO ITAMBACURI, QUE É AFLUENTE DO RIO DOCE. DAI O PORQUE PERTENCEMOS AOS DOIS VALES.

  • adirio alves disse:

    sou de são bernardo do campo-sp, nasci nessa cidade e meu pai esta enterrado ai, pena q uma cidade tão linda tem pessoas como ele, estou chegando ai dia 12 de marco 2010, espero não encontara estas pessos

  • ana tereza disse:

    sou de itambacuri mas moro fora a alguns anos.amo essa cidade linda..mas fico triste de ver quanta violencia numa cidade que ja foi tao tranquila.confesso que hoje tenho receio pelas ruas da cidade.mas amo infinitamente e gostaria muito de ver isso tudo ficar para traz,e ver essa violencia se trasformar em paz, e ainda sonho com a itambacuri dos meus 15 anos,onde passava metade da noite na calcada da minha casa com amigos um violao,e muita alegria…um abraco.saudadesssssss….

  • jeferson mendes disse:

    sou desta cidade maravilhosa e ,e sinto triste por estes acon tecimentos sou filho de juca de celso preto moro hoje na cidade de vinhedo sp . mando um abraço a todos e que deus os abençoe

  • geraldo do rosario santos costa disse:

    meu nome e geraldo naci em itambacuri
    vim com minha familia pra sao paulo
    com 8 anos de idade tenho vontade de volta ai em itambacuri
    pra encotrar os meus primos
    sao filhos de geraldo ferreira dos santos
    minha mae chamava rosa teixeira dos santos
    meus primos sao arlete. alaes. ze dosanjos .maria da penha .aparecida
    se alguem conhece deixe um recado,<geraldo.rcosta@hotmail.com
    ABRASUUUUUUUU

  • marcy portes disse:

    Moro na França e, hoje, pela segunda vez assisti na tv um documentario sobre o trabalho com crianças do fazendeiro Sr. Joaquim. Que exemplo de compaixão, de bondade e de fraternidade! Quero aqui de longe mandar a minha mais profunda admiração e respeito para o Sr. Joaquim e sua mulher! Ai esta um grande exemplo à ser seguido para diminuir a violencia do meu pais. Gostaria de dar minha colaboração ao senhor Joaquim. Se alguem sabe como entrar em contacto com ele ou com alguem da sua familia diga-me!meu mail é :mportes@sfr.fr

  • wellington disse:

    Só queria dizer que sou filho desta terra maravilhosa, de gente adoravel, de gente trabalhadora, amo de coração esse povo com ou sem violencia queria que não tivesse mais enfelismente tém como em qualquer lugar onde tem desnivel social, mais tb tem coisa linda gostosa de se curti, e uma delas e esse povo maravilhoso.

  • cassia disse:

    Por favor preciso com urgencia entrar em contato com Evandro Ribeiro Dias que mora em Itabacuri se alguem conhecer me mande um email meu é cassia.1811@hotmail.com sei que ele foi vereador dai em 82 ou 83 deixo aqui meu agradecimento obrigada.

  • fernando disse:

    acabo de assitir um documentario aqui em paris sobre trabalho do sr joquim a respeito de recupera’cao de menores em sua fazenda com program pequenos peoes, iatabacuri em minas deve ser divulgda nao como cidade violenta por casos isolados e sim com programas como este. sou mineiro e orgulho muito disto.

  • michelly disse:

    E uma vergonha esses acontecimentos numa cidade tao pequena…..sou filha desta terra e isso me deixa indignada,e com medo de tanta maldade e covardia!!!!!apesar de tamanha violencia a cidade e maravilhosa….e graças a deus a justiça foi feita….ainda que saudosos pela perda de pessoas inoscentes!!!!!!

  • Elias Avila disse:

    Moro no Rio de Janeiro e amo a cidade de Itambacurí

  • gildasio gomes ribeiro disse:

    sou gildasio filho de itambacuri tbm concordo com o frederico,atualmente moro em belo horizonte,mas,sempre que posso vou visitar minha casinha e rever os amigos,vou confessar a vcs,itambacuri hoje ñ e a msm cidade de antes a violencia esta tomando conta desse verdadeiro paraiso.cidade linda aconchegante e tbm muito acolhedora,religiosa,terra de um povo carismatico,quando criança eu adorava ir aos domigos tomar banho de cachoeira ir a misssa a noite dar uma volta na praça,td era tão bom,mas nos dias de hoje itambacuri infelismente esta ficando muito dificil de sobreviver a violencia esta tomando conta da cidade.e vcs sabem de quem e a culpa?ninguem sabe.mas bem que oa politicos dessa cidade hospitaleira poderia dar uma forcinha neh,pagando melhor seus educadores,a policia que faz um trabalho de respeito e ate msm os medicos que dedicam parte do seu tempo para se dedicar aos mais humildes.termino aqui agradecendo a tds pelo tempinho que tiveram para ler esse simples comentario de um homem que adora essa cidade e que apezar de td violencia ainda guarda essa cidade no coração.abraços e ate!!!

  • mauricio g silva disse:

    EU MORO EM CAMPINAS SP.
    A 15 ANOS NACI EM ITAMBACURI VOLTEI EM DEZEMBRO DE 2010
    E VI COMO ESTA DIFERENTE A MINHA CIDADE MEU REINO ENCANTADO.
    FIQUEI MUITO TRISTE POR VER A PRAÇINHA QUE IA NOS FINAIS DE SEMANA COM OS AMIGOS,E AS CACHOEIRAS ESTAO SE ACABANDO..
    SOU FILHO DE SR MANOEL VAQUEIRO DA RUA SÃO JOSÉ
    DEIXO UM GRANDE ABRAÇO A TODOS OS AMIGOS DE ITAMBACURI.

  • adelson ramos da costa disse:

    sou de itambacuri naci nesta cidade e amo tudo gue nela ha., um abraço a todos os amigos meu nome e adelsos. sou da familia de d loura e joze do tigre.

  • maristane godinho de sales disse:

    Meu nome é Maristane, sou filha dessa cidade e guardo maravilhosas recordações de um povo honesto, trabalhador e extremamente religioso. Tenho orgulho de ter nascido em Itambacuri e sempre que posso volto pra rever os amigos e meus parentes que lá estão. Não me conformo e me recuso a acreditar que uma cidade tão pacata tenha se tornado exemplo de descaso das autoridades permitindo assim que a violência tome proporções tão grandes. Ë certo que violência existe em toda parte, no entanto existem medidas, que se forem tomadas com responsabilidade e em tempo hábil, podem impedir que o município ocupe as páginas policiais com tanta frequência como tem acontecido. Volto a dizer, me orgulho de dizer que nasci nesta cidade e não me canso de comentar com meus filhos e amigos a respeito da educação e dos professores que tive. Aproveito a oportunidade para agradecer aos meus professores por tudo que fizeram por mim. Devo muito a todos vocês… Um abraço carinhoso a todos!

  • Adauto ramos disse:

    Adauto Ramos disse;
    sou filho de Jose do tigre e de alaurinda Ramos naci em Itambacuri gosto muito desta cidade mas as autoridades competentes devia progamar um progeto para diminuir a probeza e as drogas moro em sampa fui na minha itb em agosto de 2010 fiquei triste por ver uma cidade tão bonita se deteriorando por causa dos marginais tem vontade de voutar para faser um trabalho cocial com as crianças de minha cidade nas as veses esbarramos na burocracia e encompetencia de algumas aitoridades. amo de paizão este pedaço de chão um abraço.tigre

  • roberto rodrigues disse:

    bom dia a todos de itambacuri ñ conheço a cidade mas namoro com uma mulher maravilhosa dessa cidade estou horrorizado com as coisas q os filhos dessa cidade estão dizendo deus abençoe a todos

  • Ronaldo Monteiro da Costa disse:

    Nasci nessa cidade, hoje moro em Campinas-SP, não conheço minha cidade natal e fiquei, como todos triste com esta notíca. Procuro parentes de meu PAI (Reinaldo Monteiro da Costa) e minha MÂE ( Maria das Graças Moreira da Costa) dos Santos nome de Solteira de minha mãe, abraços a todos.

  • leia mendes disse:

    NÃO CONHEÇO ITAMBACURI,SEI APENAS QUE NASCI NELA.
    SOU FILHA DE JOÂO DE JORGE MENDES FERREIRA E SEBASTIANA PEREIRA MENDES.
    AVÓ MATERNA :ROSA MARIA DOS SANTOS(ITALIANA)
    AVÔ PATERNO :JOÂO DE JORGE
    MEUS PAIS JA FALECERAM ,MAS CONTAVAM HISTÓRIAS MARAVILHOSAS DESSA CIDADE,INDEPENDENTE DE TANTA POBREZA.
    GOSTARIA DE CONHECER PARENTES,POIS SAIMOS DAI A MAIS DE 40 ANOS
    HOJE TENHO 43.
    E NÃO CONHECEMOS NINGUEM DA FAMILIA DELES
    SERA UM PRAZER CONHECELOS.

  • JULIO disse:

    Itambacuri, cidade linda que tenho muuitas saudades, um abraço a todos itambacurienses.

  • manoel pinheiro disse:

    Eu, Manoel Messias Pinheiro Gomes,filho de João Pinheiro
    prente do Senhor Dr. Teadlino perreira Dentista, fiquei asustado por ter deparado com esta tão desagradaéj noticia, conheço esta cidade,sou da época dos padres Capuchinhos, é uma cidade que queria muito reaver, andar chorar, ir até a Igreja, lembrar da festa de 12 de agosto, onde meu pai me levava, me recordo do colegio Pio XII, do Bairro das pedreira. sinto uma tris teza muito grande, moro em S. Paulo ha 30 anos e tinha sonhos de me casar com uma moça de ( Itambacuri )mais até hoje sou solteiro e ainda pretento ir na minha cidade dos morros das coisa beneficas de Deus, aqui tive uma vida muito triste, mais venci, tenho secenta anos sou forte,estou editando um livro que dei o nome de gritos da alma, uma história que o mundo não viu, estou no you tub, Manoel messias pinheiro Gomes sou criado.Um grande abraços as meu conteranios e ao senhor Dr. Teadolino Perreira ( o Dodo) FICA COM DEUS Manoel Pinheiro.

  • Cláudia Rejane disse:

    Sou de PE,morei em Itambacuri em 85,na época eu tinha 15 anos,nesse lugar lindo vivi os melhores momentos da minha vida,foi onde me apaixonei pela primeira vez,conheci gente maravilhosa,estudei na escola madre serafina de jesus,gostava demais de todos os professores,especialmente d.Maura,que me aconcelhava demais,falo sempre que ela era minha psicologa do coração.quando voltei há PE,sofri muito pq estava deixando pessoas queridas,hoje me recordo com saudades,infelismente perdi o contato com minha amiga Maríles de castro mário,ela não mora mais aí.pois se casou com genácio.ela é filha de D. Aparecida e seu Mário(conhecido por seu dodó)tem por irmãos:walter,mário,Deon.se alguém poder me ajudar meu msn é:claudia_nvs@hotmail.com.ficarei muito grata se eu poder ter contato novamente com alguma dessas pessoas.Independente da violencia,essa cidade mora em meu coração.um abraço

  • cilene santos disse:

    ENGRAÇADO VER AS PESSOAS FALAREM QUE ITAMBACURI E VIOLENTA. EU NAO ACHO ISSO NAO, MORO AQUI A DEZ ANOS, GOSTO DO LUGAR DEMAIS E ACHO ABSURDO QUEM NAO ESTA NA CIDADE FALAR QUE AQUI E VIOLENTO..ACONTECE UM FATO DE VIOLENCIA AQUI UMA VEZ A CADA CINCO ANOS. COMO PROVA ESTA MOSTRADA A CHACINA QUE ACONTECEU EM 2006,,NAO SE OUVIU DIZER QUE ITAMBACURI SE TEVE OUTRO CRIME AQUI DEPOIS DESSE. E SE TIVER OUTRA BARBARIE DESSA DEPOIS DE TANTOS ANOS E PORQUE O PODER PUBLICO NAO TEVE CAPACIDADE SUFICIENTE DE RESOLVER E FICA AI MOSTRANDO COISAS ANTIGAS PRA DEGRADAR A IMAGEM BOA E TRANQUILA DE ITAMBACURI,,

  • léia mendes ferreira disse:

    quem conhecer parentes de:joão de jorge mendes ferreira/e/ou/ sebastiana pereira mendes ,por favor entrar em contato:
    e.mail:marileia.mendes@hotmail.com/ou face.
    filha.

  • Bertinho Mendes disse:

    Sou de Itambacuri e hoje moro em Teixeira de Freitas – BA, Meu trabalho não me dá tempo pra nada, mas discordo dos assuntos que existe com tanta perversidade que assola essa cidade. Itambacuri antigamente todos os moradores, cuidavam dos outros, dos filhos, netos, dos descendentes, perguntavam, você é filho de quem? quando a pessoa respondia, sou filho de fulano de tal, então tudo se resolvia, a pessoa pegava, cuidava, levava no hospital se precisasse, levava em casa, exemplo Dona súria de Dodo, que morava em frente ao ginásio pio12, Tó de Mendonça e outros, pessoas muito boas, lembro muito da cidade como era tranquila, hoje, com essa desavença.
    á uns 5 anos atrás, estive lá,visitando a minha mãe que estava acamada, quando chegava perto da casa dela, ouvi alguém falando: cargoete aqui nos mata. foi ai que alguém disse, esse rapaz é daqui, é filho de metoquina, filho de dona Lurdes, você não conhece, esse rapaz é bertinho da Lusitânia, foi então que passei tranquilo no bairro Britador.
    tenho grande vontade de voltar a viver em Itambacuri, não acredito nessas coisas e que a justiça, não possa fazer nada.

  • viviane disse:

    SOU DE BOA VISTA FILHA DE SERAFIM E MAURA NASCI NA CIDADE DE TEOFILO OTONI FUI CRIADA EM UMA FAZENDA ATE OS MEUS 11 ANOS HOJE MORO EM BH MAS CONHEÇO A CIDADE DE ITAMBACURI E ADORO ESTA CIDADE .BJOS A TODOS QUE AI HABITAM.PAZZZZZZZZZZZZZ.

  • adelson ramos da costa disse:

    Um beijo a todos os meus familiares e amigos de itambacuri minas gerais.

  • roberto penna disse:

    é lamentavel toda essa situação pois esta cidade sempre foi tranquila e acolhedora
    por varias vezes pernoitei aí quando era caminhoneiro na decada de 90 e não existia nada disso

Deixe um comentário!

Faça seu comentário abaixo, ou um trackback do seu site. Você também pode se cadastrar nesses comentários via RSS.

Seja simpático. Permaneça no assunto. Não faça spam.

Você pode usar essas tags HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

O Gravatar está ativado. Para ter sua imagem nos comentários, registre-se no Gravatar.