Home » Artigos Jurídicos

Golpe do falso emprego e tráfico internacional de mulheres

17 de abril de 2007 4.325 visualizações 2 Comentários Imprimir este artigo Imprimir este artigo

Golpe do falso emprego e tráfico internacional de mulheres

Professor Jéferson Botelho

carteira-de-trabalho-peq.jpgAlgumas garotas de Teófilo Otoni-MG e região têm caído do golpe do falso emprego, oferecido pela Internet.

 

A história maluca começa quando, a vítima recebe um e-mail em seu endereço eletrônico de uma conhecida, mas falsa empresa estatal, alegando que estaria ocorrendo um “processo seletivo” para selecionar moças de todo o país, com pedido de remessa do respectivo curriculum vitae para análise.

 

Logo depois, a vítima recebe no seu endereço eletrônico, uma outra mensagem da falsa empresa, dizendo ter sido selecionada entre várias outras jovens de todo Brasil, para trabalharem em Belo Horizonte-MG, com oferta de ótimas propostas salariais e solicita a remessa de toda documentação, por fax. Enviada a documentação, assim, é marcado dia, horário, e início do curso, com o encontro marcado na Rodoviária de Belo Horizonte.

 

Há informações que existe uma quadrilha organizada arregimentada para a prática de tráfico de mulheres para outros países, para fins de prostituição, tráfico de órgãos e outros delitos.

 

As pessoas precisam ficar atentas para evitar que caiam nesse golpe, e antes de tomar alguma medida diante de uma “ótima proposta”, é preciso certificar-se da procedência e autenticidade da fonte, procurando a Polícia para a tomada de medidas legais.

 

Outro fato corriqueiro nos sites de relacionamento são os encontros marcados entre pessoas, por intermédio da internet. As pessoas marcam os encontros, viajam milhares de quilômetros a procura do irreal e ao chegarem no destino, ansioso para conhecer sua cara metade, a outra pessoa “virtual” não comparece, deixando a vítima com suas quimeras digitais, perdida nas noites sem luar, nos corredores da ilusão, com seus desejos ardentes, sua fúria a flor da pele, nem o brilho do arrebol nas tardes de tristes elucubrações é capaz de alumiar suas tétricas veredas, e aí um grande transtorno é causado. Lembre-se: A evolução chegou e junto dela a criminalidade organizada, com sérias conseqüências para os direitos e interesses metaindividuais ou coletivos. Cuidado com a vitimologia difusa. Não se deixem enganar por falsas propostas de emprego. É preciso saber que a Lei 11.106, de 28 de março de 2006, deu nova redação ao artigo 231 do Código Penal Brasileiro, para estabelecer o delito de tráfico internacional de pessoas, a fim de punir quem promove, faz intermediação, ou facilita a entrada no território nacional de pessoa que venha a exercer a prostituição ou a saída de pessoa para exercê-la no estrangeiro, punido com pena de 3 a 8 anos de prisão e multa. Proteja-se contra vigaristas e oportunistas que estão por aí a procura de vítimas indefesas. E lembre-se: uma sociedade bem informada pode-se prevenir contra ataques de bandidos que constantemente vem mudança de tática para ludibriar suas vítimas e a própria Polícia. A informação é a alma da prevenção.

WhatsAppFacebookTwitterPinterestGoogle+

2 Comentarios »

  • a.maria disse:

    concordo,a informaçao é a alma da prevençao…mas aquela parte da cara metade virtual foi profunda…já ficou a ver navios virtuais?…brincadeira…

  • Rosi disse:

    Boa tarde professor Jeferson,

    Estou pesquisando site que discutam o tráfico de mulheres, para fazer um apanhado de informações mais precisas sobre o assunto.
    Gostaria muito que me enviasse dados e mais informações sobre o assunto, pois estou escrevendo meu tcc sobre este tema.
    Gostei muito da materia.
    Atenciosamente.
    Rosi.

Deixe um comentário!

Faça seu comentário abaixo, ou um trackback do seu site. Você também pode se cadastrar nesses comentários via RSS.

Seja simpático. Permaneça no assunto. Não faça spam.

Você pode usar essas tags HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

O Gravatar está ativado. Para ter sua imagem nos comentários, registre-se no Gravatar.